MARCIA VILAS BOAS

Psicóloga

(Clínica e Comunitária)

CRP: 6/140228

Atendimento: infanto-juvenil, adultos e idosos


Formada em Psicologia pela Universidade Nove de Julho.

O desenvolvimento humano passa necessariamente por uma série de etapas. O famoso médico neurologista que foi considerado o pai da Psicanálise, Sigmund Freud, quebrou tabus da sociedade do século XIX ao descobrir a sexualidade como fonte propulsora da evolução do indivíduo. Observe o termo “sexualidade” dentro da complexidade da teoria psicanalítica e, portanto, fora da velha concepção entendida pelo senso comum.

Freud descreve o desenvolvimento humano por impulsos, em princípio primitivos, que ocorrem para obtenção de prazer e satisfação. Para a Psicanálise o desenvolvimento psicossocial ocorre em 5 fases: oral, anal, fálica, período de latência e genital. A maneira como cada fase será atendida ou não, dentro de expectativas muito singulares, imprimirá determinado registro psicológico que acompanhará o indivíduo para a vida.

Os estudos de Freud revolucionaram a ideia de infância, adolescência e livre arbítrio, pois permite concluir que tais registros psicológicos impactam em impulsos inconscientes que produzem efeitos sobre nosso comportamento.

A psicoterapia vem para ajudar a melhorar esse aspecto. O psicólogo através de ferramentas psicológicas e de metodologia estimula o desenvolvimento não somente intelectual, mas também afetivo. Trata-se de um processo dialético entre psicólogo e paciente que é eficiente para o tratamento de problemas psicológicos, tais como depressão, ansiedade, dificuldades de relacionamento etc. O método psicoterapêutico ajuda a melhorar aspectos emocionais e auxilia em momentos de aflição. As técnicas psicológicas empregadas ampliam o entendimento frente às questões da vida; e independentemente das razões da busca, o tratamento psicológico traz significativas transformações na vida do interessado.

“A psicanálise serve para possibilitar que a pessoa suporte viver a pós-modernidade. Saímos de uma sociedade que estabelecia claramente os certos e os errados. O homem atual se apavora frente a essa liberdade e se esconde atrás das fórmulas prontas de viver. Nesse contexto, a psicanálise vai na contracorrente da ideologia de que tudo tem remédio, dos livros de autoajuda e das neoreligiões. Ela transforma a angústia paralisante do homem frente à liberdade responsável das opções em uma ação criativa.” (Jorge Forbes)



Experiências Profissionais:

  • Vivência Clínica com Terapia para Jovens e Adultos, Psicologia Analítica;

  • Vivência em Laboratório de Psicologia como Apoio Teórico na prática de alunos;

  • Vivência em Escola de Ensino Fundamental com aulas sobre Drogas, Internet e Sexualidade;

  • Vivência Clínica em Terapia Familiar através da Teoria Sistêmica;

  • Vivência Clínica com Pacientes Psiquiátricos;

  • Investigação Científica sobre o Funcionamento das Instituições Religiosas; e

  • Vivência em triagem de Pacientes da Clínica de Psicologia da Universidade Nove de Julho.

IMG_8426 cópia_edited.jpg